domingo, 26 de setembro de 2010

25/09/2010

Ontem, completando 3 meses de uma tragédia, aconteceu outra, só que dessa vez, fatal.
Ontem, perdi uma grande amiga, a unica pessoa no mundo que me entendia, que me amava, mesmo eu sendo grossa, mal educada, estúpida.
Ela me esperava chegar da escola, do trabalho, das noitadas.
Ia me acordar de manhã, ficava na porta do banheiro me esperando tomar banho.
Ficava brava se alguém tocava nas minhas coisas, em mim.
Quando eu fiz minha tatuagem, ela foi a primeira que notou, e ficava em volta de mim me cheirando, pra saber o que raios era aquilo.
Eu abria a porta do carro, ela era a primeira a entrar, ia comigo pra todo canto, até barzinhos.
Três meses atrás, meu pai sofreu um derrame e enfermeiros tiveram que leva-lo imediatamente para o hospital, e ele gemia de dor, ela olhava aquilo e queria avançar neles, achava que estavam machucando meu pai, e isso era algo que ela não admitia.
Ela.. ela era minha vida.
Ela tinha um jeitinho único de agradar, de estar presente.
Ela só faltava falar, e olha, faltava pouco.
Ela valia mais do que muito ser humano que existe por aí, pois não fazia mal á ninguém, era doce, fofa.
Fazia fila de crianças pra brincar com ela aqui na porta de casa.
E tão injustamente, morreu.
Morreu, por que a filha da puta da vizinha, jogou água nela por que ela tava fazendo necessidades em sua porta, e ela saiu correndo, o carro o matou;
EU JURO POR TUDO QUE É MAIS SAGRADO NA VIDA, que eu preferia ter comigo o coco que ela fez naquele maldito lugar, do que ter perdido a minha pequena.
Ahh.. ela é unica e insubstituivel, nada mais será igual sem você Nina, nada.
E eu jaaamais vou esquecer de você, de tudo que a gente já passou juntas, de tudo que você já fez por mim.
O minha manézinha, você já está me fazendo uma falta infinda, e não tem idéia da dor que foi hoje, acordar sem você, sem sua delicadeza me chamando, fazendo bagunça na minha cama.
Ainda escuto seus passinhos.
Eu te amo Nina, eu te amo muuuuito.
Você, foi tudo que eu precisava para ser feliz. foi minha distração, foi minha companhia, foi a minha melhor amiga, durante quase três anos.
EU NUNCA VOU TE ESQUECER, E NEM DEIXAR DE TE AMAR.

Nenhum comentário:

Postar um comentário